/
0 Comentários

E quem nunca quebrou a cara, acreditou demais, se envolveu demais, se entregou demais , pensou que "desta vez é pra valer " , se fez de desentendida(o) mediante aos erros e defeitos do outro por pensar que aquela seria a sua grande chance de ser feliz. 

Quem nunca liberou o coração para decidir e trancou a razão por achar que ela falava demais , ahhh , fala sério , quem nunca vacilou no amor , não é verdade ? .

A gente tropeça sim, pela sensibilidade e pela ingenuidade do sentir a vezes , a gente escorrega nas expectativas que criamos, a gente cai por pensar que o outro é que precisa da gente, e é por isto que acreditamos tanto no que não existe e somos surpreendidos pela traição de quem a gente nunca pensou que um dia nos trairia , e confesso, como dói, como lateja a alma da gente quando isto acontece, como é horrível ter que pensar que a gente acreditou tanto que se machucou.

 Ei, isto não é culpa do amor não viu , e sim das nossas urgências, do não sabermos  esperar, do não querermos compreender o tempo, e da nossa tamanha negligência em acharmos que éramos  "super demais" em  um coração que nos doava tão pouco.

 Certas situações da uma balançada sim, na nossa auto estima, da uma baqueada nos nossos sentimentos, mas isto não quer dizer que devemos  nos  isolar ,  nos culpar e pensarmos que todos os corações são iguais, que ninguém nos ama, ninguém nos quer .

 A vida é um aprendizado diário em todos os sentidos , e feliz daquele que colhe as experiências a cada anoitecer de um dia vivido , mesmo que cinzentos e doídos ... Esta é só mais uma 

Cecilia Sfalsin


Leia também

E quem nunca quebrou a cara, acreditou demais , se envolveu demais, se entregou demais , pensou que "desta vez é pra valer " ...

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.