sábado, 4 de julho de 2020

Deus nos prepara para o extraordinário dentro das áreas mais incompreendidas do nosso ser.

13:58:00 0 Comments
Hoje eu entendo quando é que Deus trabalha em nossa vida, e o porque que Ele mexe na parte mais forte que há em nós. O porque que em certas situações parece que não vamos aguentar, mas ao mesmo tempo vem aquela força que não sabemos explicar de onde nos fazendo erguer a cabeça e acreditar, acreditar e acreditar que tudo está chegando no lugar.  

Hoje eu entendo o que é estrutura humana, e como precisamos ser mexidos vez enquando para lembrarmos que acima de todo e qualquer problema há um cuidado tremendo do alto nos trazendo de volta a vida, e nos provando o quanto somos corajosos, importantes, valorosos e especiais.

 Hoje eu compreendo que as vezes precisamos nos ausentar um pouco, calar o nosso coração, aquietar os nossos pensamentos só para ouvirmos o barulho do vento trazendo respostas precisas a todas as nossas orações por meio daquEle que tem o poder e o controle sobre todas as coisas. Deus ouviu as orações de Daniel quando ele se encontrava na cova do leões, e com ele permaneceu por toda noite dando-lhe descanso e paz. Ele também sondou o coração de Sadraque, Mesaque e Abdnego quando os mesmos foram lançados na fornalha de fogo ardente com os pés e as mãos atadas, e os fez passear pelo fogo acompanhados por sua presença. 

 Ainda que estejamos cansados, abatidos, ou talvez até sem entender o porque de tantas situações adversas, Ele sempre estará por perto nos direcionando, nos abraçando, nos dando sabedoria, e nos fazendo descobrir o que somos, e quem somos pra Ele. Psiu, Deus não ignora a nossa situação, nem se ausenta em seus silêncios, Ele apenas trabalha de uma forma inexplicável por nós, nos levando ao limite das nossas forças, para que possamos aprender que acima de tudo e todos, Ele está. Ele nos prepara para o extraordinário nas áreas mais incompreendidas do nosso ser. Fica bem! Tem coisas que parece não ter mais jeito, mas só parecem.

Cecilia Sfalsin

sexta-feira, 3 de julho de 2020

Em todas as situações, ame a Deus, e todas as coisas cooperarão para o seu bem.

12:21:00 0 Comments

E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. (Romanos 8:28)

Amar a Deus e declarar que Ele está acima de tudo em nossa vida é muito fácil. Difícil é entendermos o trabalhar Dele dentro dos processos desafiadores que temos que passar, principalmente quando os cansaçoes chegam, quando a impaciência e a desesperança tentam nos arrancar do caminho fazendo com que a nossa fé se enfraqueça diante das adversidades, quando perdemos algumas batalhas, quando somos afrontados, rejeitados, ou até feridos. 

Costumo dizer que no final, tudo dá certo, que as coisas se ajeitam quando confiamos, mas os nossos pensamentos precisam se unir às nossas ações, e o nosso coração  precisa se proteger dos medos, da incredulidade, dos sentimentos ruins, e até dos ventos que tentam contradizer tudo aquilo que construimos por meio da  fé.

Tudo coopera para o nosso bem quando amamos e acreditamos naquele que tudo pode fazer por nós. Seja uma situação boa, ou até ruim, tudo coopera juntamente para o nosso crescimento, aprendizado, fortalecimento e conhecimento futuro que até então depende do nosso esforço presente, e das nossas certezas de que nada é em vão, e de que tudo há sim, um propósito divino e inadiável para nossa vida. Há batalhas incompreendidas que a principio nos assustam, no entanto, serão  um divisor de águas para nós. 

Não importa o quanto elas tentem mudar os percursos da nossa história, ninguém muda  os percursos traçados por quem a escreveu com tanto amor, e de acordo com as nossas necessidades. Ele transforma o mal em bem, a maldição em bênção. Tudo e todas as coisas serão usados ao nosso favor quando realmente amamos a Deus e nEle depositamos a nossa total confiança. 

Cecilia Sfalsin

quarta-feira, 1 de julho de 2020

Segura nas mãos de Deus e vai. Vai na fé, vai na coragem, vai por você.

15:30:00 0 Comments

Decidi não olhar para tras e seguir acreditando. Foi uma decisão corajosa em meio a um vendaval de coisas mal resolvidas em minha vida. Sim, coisas mal resolvidas. Certa vez uma pessoa postou " ela não resolve nem a própia vida, e fica querendo ajudar os outros,  e pensei, uau, é verdade, preciso me resolver, e comecei tirando tudo que não era favorável para as minhas resoluções urgentes. 

Comecei deletando pessoas que não agregavam, e ignorando fatos que não agregavam também. 

Ajeitei meus armários emocionais que estavam uma bagunça, tirei os lixos afetivos que guardei por anos tentando preservar uma boa imagem da minha pessoa, mas que de fato, estavam me fazendo fugir de quem eu era, e apostei na fé, segurei nas mãos daquele que me coloca de pé e fui me encorajando a não ser mais a mesma, e a colocar pontos finais aonde, por insistência e até covardia comigo mesma, mantive na minha história com um tal até breve, até um dia, ou a gente se esbarra por ai. 

Eita,  que liberdade bacana, neh? A vida não nos prega peças, a gente é que fica desenhando capítulos em cenários que não são nossos. Deixa eu te dizer uma coisa, os jardins não florescem o ano todo não, e cá pra nós, a gente tem mais é que cuidar do nosso sabendo passar pelas estações sem desanimar. O mundo encantado de Alice acaba quando ela percebe que tem um caminho longo pela frente, e que para ser amada, ela precisa aprender a se amar. Ele acaba quando ela acorda e descobre a sua própria identidade. 

E pra completar, lá  vem o chapeleito com o seu tom de quem já viveu muito lhe dizendo que as melhores pessoas são as mais loucas, e eu cá diria que as melhores pessoas são as que vivem de verdade, entre alegrias e tristezas, mas que vivem pelo que fazem de honesto consigo mesmo, e com os outros. 

Cecilia Sfalsin

POSTAGENS RECENTES

Copyright

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98 e violá-los é crime. Ao copiar textos atribua os créditos.