/
5 Comentários



(...)A noite era fria e ouvia se o canto das cigarras a anunciar a escuridão que afligia, o céu sombrio, sem as reluzente estrelas demonstravam dor e angústia de um coração solitário que em busca de abrigo viu se apertado  
sem motivos para caminhar.Quando de repente ouve se a 
porta se abrir, em ruídos se fecha silenciosamente,como se
 alguém entrasse sem pedir licença , um invasor da noite a roubar o que não lhe pertencia.O pobre coração aflito esconde se em meio aos cantos em desespero e prantos ,amedrontando se  no silêncio da noite onde a voz não se ouvia.Em passos firmes o que era estranho e desconhecido aproximava se, sem que houvesse palavras invadia os labirintos do coração que nem se quer ousou pedir permissão.De uma forma simples, e calma navegava nas feridas deste pobre aflito e com bálsamo as limpava, derramando sobre elas gotas de sentimentos,aquele pequeno coração que se escondia se viu nas mão de outro coração que o compreendia. O medo se ia, a entrega acontecia,a solidão se perdia ,e aquele coração que temia se via em grande alegria sendo invado por um coração que tanto o queria.A noite se despedia, em um cenário de encantos, pois daquele pequeno ser não se ouvia mais pranto.Onde havia angustias,solidão e dor,hoje havia felicidades,paixão e amor(....)


Cecilia sfalsin


Leia também

(...)A noite era fria e ouvia se o canto das cigarras a anunciar a escuridão que afligia, o céu sombrio, sem as reluzente estrelas demons...

5 comentários:

  1. Bonito texto para se começa bem a semana. amiga Cecília.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderExcluir
  2. Olá Cecília,

    gostei da história.

    Bju

    Paulo

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo seu texto amiga, me fez viajar.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  4. Cecilia
    muito bom!!! O texto dá uma virada impressionante, tem muito sentimento...
    Parabéns!
    Abrç.

    ResponderExcluir
  5. Oi Cecília!
    ...e que assim seja! Estou precisando desse bálsamo!

    ResponderExcluir

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.