quinta-feira, 18 de abril de 2019

# comportamento

Se você se considera um instrumento nas mãos de Deus, então sinta-se privilegiado em poder ajudar alguém.

Eu já me arrependi por ter pedido ajuda a algumas pessoas em algumas realizações minhas. Não que elas não se dispuseram, ou não fizeram de boa vontade, mas por terem esperado vanglórias da minha parte. Por exigirem de mim um reconhecimento silencioso que não estava em meu poder fazê-lo, por tentarem tirar a glória de Deus e se colocarem como os inteligentes da questão. Por não saberem fazer o bem sem gritarem para o mudo que foram eles que fizeram. 

Sou muito grata mesmo, por quem me estende as mãos, por quem me doa o seu melhor, por quem é amigo irmão de verdade. A gratidão é um dom, e a coisa mais linda da vida é podermos agradecer a quem nos ajudou sem nos sentirmos pressionados, carregando dentro de nós aquele sentimento de que estamos devendo alguma coisa a alguém. 

É bacana ser reciproco, é lindo saber reconhecer o bem que recebemos, é maravilhoso termos do nosso lado, pessoas dispostas e verdadeiras, mas quando isso se torna um peso e uma obrigação, já não tem nada de bonito. Quando você fizer o bem a alguém, faça-o pelo coração. Lembre-se que muitas vezes Deus nos usa para respondermos a oração de alguém, seja ela qual for. 

Nem tudo é em vão, e se você se considera um instrumento do Senhor, nunca se ache demais diante do bem que você faz. Agradeça a ELe por ter confiado essa missão a você. O maior e mais sublime reconhecimento, vem dEle.

Cecilia Sfalsin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

POSTAGENS RECENTES

Copyright

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98 e violá-los é crime. Ao copiar textos atribua os créditos.