segunda-feira, 2 de abril de 2018

# Relacionamentos

Não sofra tanto pelo fim de um namoro que já estava ruim, vença a dor da partida necessária, e se permita SER CURADA(O).


O compromisso mais sério pra mim é o casamento.  É quando você, e aquela pessoa se decidem, se entrelaçam, se tornam um com os mesmos sonhos, planos, cama, escova de dente, calçados espalhados no mesmo tapete, e por ai vai. Antes disso é relação, processo, conhecimento, experiências e afetos trocados. 

É fato que nem tudo se revela em um namoro, tem muita gente que surpreende, ou assusta no depois, mas há uma chance de tentarmos conhecer a fundo alguém quando desejamos algo a mais com ele, quando temos uma visão nítida de futuro a dois. Baseando nisso, eu penso o seguinte: Quando o namoro não está legal, e, quando está faltando o respeito, a admiração, a troca necessária de sentimentos e atenção, é hora de dar uma pausa, é hora de se priorizar, é hora de colocar os pingos nos "is", e não fingir que está tudo bem só para fantasiar uma relação que todo mundo sabe que não anda nada bem. 

Gente, o amor é nobre e lindo, não nos cobra nada, mas o coração humano é exigente, e precisa de oxigênio para continuar batendo, e, não é no outro que a gente encontra isso.  Se você não consegue se cuidar, se você não consegue enxergar que esta forçando a barra, que está empurrando com a barriga, que esta se auto desmerecendo, você também não vai sobreviver para construir uma nova história. Manter alguém do seu lado por chantagem emocional só te derruba, só te deixa com baixa autoestima, só te consome. 

 O que vem de Deus para nossa vida não traz confusão, não gera tristeza, nem deixa inquieto o nosso coração. Amar alguém é dar aconchego a alma mesmo sabendo que o outro não é perfeito, mas é verdadeiro com os sentimentos. Amar sozinha(o) desgasta, fere, e desanima também. Portanto, não sofra tanto pelo fim de um namoro que já estava ruim, vença a dor da partida necessária, e se permita SER CURADA(O). Conscientize-se que estar do lado de quem pouco se importa, que não caminha na mesma direção, ou na mesma fé que você, dói muito mais. 

Cecilia Sfalsin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Copyright

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98 e violá-los é crime. Ao copiar textos atribua os créditos.