segunda-feira, 16 de março de 2015

# Minhas inspirações

Aprenda a Esperar


Confesso gente, muitos tropeços que tive foram das urgências do meu coração, muitos tombos  vieram das pressas , das impaciências , dos meus atos inconsequentes , por querer demais quem não era pra ser, por me entregar demais a um sentimento de alguém que nem se importava com o meu sofrer. Culpa dele? Não , culpa minha mesmo , por pouco me amar e por muito me desmerecer. 

A gente quando gosta tem disto, esta fase de anulação, este impulso bobo de correr atrás, mandar bilhetinhos, ligar e ficar muda do outro lado do telefone ,  fazer charme e forçar a atenção, mas não temos o cuidado de proteger o nosso coração e vacilamos feio com a gente. 

O amor é perfeito , as pessoas que não são  e para que ele seja bonito e verdadeiro é preciso a permissão do outro coração , nada acontece da noite para o dia, nada se realiza pela força , nada é prazeroso de sentir quando não se é correspondido

Não podemos acomodar nas urgências porque elas exigem da gente além do que podemos oferecer, elas travam o nosso riso e pesa  o nosso caminhar . Não podemos permitir que as cobranças de outros nos impeçam de buscar o que é bonito pra gente, e precisamos entender que todo e qualquer sentimento se aconchega nas esperas, e só se aperfeiçoa pela vontade de Deus e não pelas nossas inquietações.  Aprenda a esperar sem se cobrar tanto.

Cecilia Sfalsin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Copyright

Os direitos autorais são protegidos pela lei nº 9610/98 e violá-los é crime. Ao copiar textos atribua os créditos.