/
0 Comentários



Hoje me aceito mais e me culpo menos. Deixei de brincar de vida e decidi ser adulta sem medo. Larguei algumas infantilidades de lado, daquelas sabe , do tipo ter que brigar com alguém por um brinquedo quebrado. Descobri que não há nada mais sublime na vida da gente do que estar bem com Deus e ter paz no coração, não há mais gratificante do que ter que encostar a cabeça no travesseiro e conseguir dormir sem ter pesadelos, não há nada maior do que o nosso próprio valor. Aprendi que pessoas vão e vem na vida da gente, algumas ficam , outras partem .. algumas são extremamente importantes , outras sem importãncia alguma. Deixei de me preocupar tanto com o desnecessário e passei a cuidar do meu coração. Se tenho desafetos por ai , sinceramente não sei, mas garanto que dentro de mim tem afetos demais pra quem os mereça , e quando preciso , quando sinto que esta tudo apertado por dentro,  desocupo os lugares, tiros os lixos acumulados , e abro espaço para o que realmente me faz bem. Se conselho fosse bom não seria de graça, mas arrisco a te dar um , é impossível viver tendo que fazer com que todos te percebam, é intolerante ter que agradar demais, é constrangedor não ter vida própria, é demais não se dar valor. Psiu .. algumas infecções da alma, provém da nossa falta de amor... da nossa falta de bom humor com a gente mesmo.. :) .. Não vale a pena tanto  stress pra tanta coisa nenhuma...

Cecília Sfalsin


Leia também

Hoje me aceito mais e me culpo menos. Deixei de brincar de vida e decidi ser adulta sem medo. Larguei algumas infantilidades de lado...

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.