/
26 Comentários

Sou totalmente coração, sinto, toco, gosto, 
sofro, choro, amo, cuido,
 zelo, mas não me prendo a emoção alguma 
ao ponto de me perder da razão.
Tenho meus surtos, aqueles que me deixam meio sem lugar, 
com vontade de correr atrás, brigar, gritar , 
dizer tudo que estou sentindo,
 mas ao mesmo tempo sou lúcida ao ponto de me entender, 
e conseguir me barrar. Me desapego rápido 
do que me faz sofrer , 
retomando minha direção , recomeçando do lugar onde cai, 
e caminho sem olhar pra traz , 
certa de que amanhã tudo será diferente, e o que me causou dor se transformou em experiências.
 se me permite Caio F.de Abreu,
Sem apego, sem melancolia, sem saudades
a ordem é desocupar lugares,
filtrar emoções

Cecília Sfalsin


Hoje  escrevi "aqui " sobre Paciência para se ter uma boa convivência, minha simples forma de pensar e agir para não viver em conflitos com pessoas que não entendem sobre limite e tolerância..espero que gostem...


Beijos


Leia também

Sou totalmente coração, sinto, toco, gosto,  sofro, choro, amo, cuido,  zelo, mas não me prendo a emoção alguma  ao ponto de me perder da r...

26 comentários:

  1. Boa noite Cecília,
    Desapego, é uma palavra um pouco difícil para mim, tenho a mania de me apegar as pessoas com facilidades e acabo me machucando com o tempo, felizmente isso melhorou bastante, permito estar do lado das pessoas que merecem minha atenção e que sei que não irão me fazer mal. O difícil é selecionar as boas almas, fazendo que elas ocupem os lugares certos na sua existência.
    Permitir apenas as boas pessoas seria o exato, mas que as ruins deem seus lugares para os merecedores não é?
    Lindo texto,tenha uma ótima noite de sono.
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Cla,

      Eu custei a aprender esta arte, acredito que as dores contribuíram muito, ainda me apego a algumas coisa, mas jamais me permito dominar por elas..A vida nos ensina e aos poucos vamos aprendendo o que realmente no fará feliz, tudo é uma questão de nos alinharmos a escola do tempo....

      Beijos amiga e como sempre obrigada

      Excluir
  2. Te dar parabéns pelas belas palavras já virou redundância amiga!!!
    Sensacional!!
    Tb compartilho de todas essas sensações intensas. Só não posso dizer, com 100% de certeza, que isso não afeta a minha razão as vezes...
    Equilibrio sempre e, como vc mesma disse: transformando tudo em experiência.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Andrea,

      Fico feliz com seu carinho e com sua presença aqui,

      Acredito que nem eu sou 100%intensa , mas procura me abster de certas limitações... Equilíbrio é primordial, e o sr tempo cuida de nos dar experiência....

      Beijos e obrigada

      Excluir
  3. Que belas palavras minha querida! Sempre que entro no teu blog entro num mundo maravilhoso de magia....

    Beijinhos querida Cecília

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Margarida,

      Que sensação gostosa suas palavras deixam aqui, obrigada pelo carinho e por fazer brilhar meu cantinho com tua presença....

      Beijos

      Excluir
  4. O apego só nos tras sofrimento. A vida só é sentida quando nos deixamos ir sem peso nenhum e a forma mais rápida de tirar esse peso é desapegando de tudo. O apego nada tem a ver com amor, mas com a possevidade. Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo Eder,

      O apego só nos traz inquietudes e preocupações, aos quais nos remetem medo e frustrações, nos aprisionando a um mundo desconhecido de tristezas.Não se alia ao amor, só a prisões...

      Beijos e obrigada pela carinhosa presença

      Excluir
  5. Oi Cecília,
    Quando removemos entulhos, desocupamos lugares, a vida passa a ser mais leve e arejada, sem contar que sobra mais espaço para coisas boas.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato Nestor,

      O apego são entulhos acumulados de coisas que não temos coragem de renunciar, ocupando lugares de nossas maiores conquistas...QUando jogamos no lixo abrimos portas...

      Abraços e obrigada

      Excluir
  6. Ceci, confesso que a característica do "despego" não é fácil, mas certamente é indicada. Com um tempo... praticando... observando e tendo paciência, é possível manifestar tal comportamento como forma de evitar sofrimento, pois, apego, não é sinônimo de amor, do contrário, o desapego não causaria dor em ambas as partes... amor é liberdade... é paz... é alegria! Lindo texto... beijos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O amor é liberdade, o apego é prisão, o desapego da lugar ao sentimento e o mesmo a felicidade e liberdade..é preciso praticar esta arte....

      Beijos linda Barbie

      Excluir
  7. Oi, Cecília. O desapego é atitude a ser treinada constantemente. Ceder ao apego nos custa geralmente muito caro e prolonga, por vezes, sofrimentos desnecessários. Achei seu texto muito sábio! Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma simples frase resumiste o texto perfeitamente Bia...O apego são sofrimentos desnecessários...

      Abraços e obrigada Bia

      Excluir
  8. Olá Cecília,
    só de ler me senti mais leve.
    E é bem isso, se todos fôssemos mais desapegados, talvez aprenderíamos mais sobre felicidade e liberdade de ser.

    Adorei seu post !
    Um beijo,
    Jhosy
    http://meninamsicaeflor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Jhosy,

      A liberdade e a felicidade estão apegadas a arte do desapego, a renuncia de certos sentimentos é a porta que se abre para os novos, por isto deve ser entendida e praticada...

      Beijos linda amiga e obrigada

      Excluir
  9. Olá, Cecília!
    É por isso que sempre venho aqui, e nunca me arrependo!
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Te gosto muito Rike....rsrs

      Obrigada, não me arrependo de chamar te de amigo

      Excluir
  10. Minha querida

    Por vezes é mesmo necessário deixar a roupa velha e partir em busca do que nos faz feliz.


    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Sonhadora,

      Isto amiga,

      Renuncia do velho para que haja espaço para o novo...

      Beijos e obrigda

      Excluir
  11. Um coração sem apego, sem melancolia, sem saudade - quem me dera!
    Tu és feliz!
    Abraços, amiga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Thiago,

      Todo coração pode sentir esta felicidade, basta se permitir...

      Abraços e obrigada

      Excluir
  12. Cecilia, quando aprendi a sentir e ter desapego, por incrivel que pareça, eu me transformei. Sou uma pessoa mais leve. Eu nao sei bem explicar isso, contudo sei que muita gente nao sabe como colocar em pratica.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sissym,

      Disseste bem "quando eu aprendi",o desapego é uma arte que precisa ser aprendida, uma lição que nos ensinará o valor da liberdade, leveza, felicidade e reconhecimento de valores...Feliz quem a pratica, assim como você...

      Beijos e obrigada

      Excluir
  13. É possível o desapego ou uma simples utopia?
    Ainda temos que desenvolver um sistema mais espiritualizado para alcançarmos este objetivo
    Desde que nascemos somos instruidos aos apegos e sem uma vigília constante,tornam-se excessivos: nas posses de objetos, bens,amor,aquisições ou perdas de pessoas e nos tornamos dependentes,vivendo sempre em defesa dos sentimentos numa resignação neurótica. Ás vezes nesta proteção,fechando a janela da alma sem uma vida ativa e construtiva.
    O apego exacerbado é mutilação da vida
    Desapegarmos de nossos egoismos,orgulhos e vaidades é uma renúncia ,que precisamos de muitos sacrifícios para que haja uma libertação
    E o pleno desapego das 'coisas' do mundo atual é uma boa tese para a Psiquiatria,princesinha...!!!!!!!!!
    bjocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum,

      Que sábio e excelente comentário,

      Realmente ja nascemos com esta síndrome do apego, aprendemos a nos apegar a coisas e pessoas e aos poucos sentimos a necessidade de nos desapegarmos, algo vicioso que requer muita força para nos libertarmos de tal comportamento. Realmente o apego exacerbado é mutilação da vida....

      Beijos e obrigada

      Excluir

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....