/
34 Comentários
Fiz me intensa ao nascer do sol,
dei te todos os meus deleites,
alinhei teus sentidos aos meus,
afinei meus desejos aos seus,
acendi meus anseios , 
me entreguei aos sonhos,
me despi de ternura, me fiz mulher,
com ar de ingênua,roubando lhe olhares,
deslumbrante aventura , fortes sensações
nobres carícias que nos envolve,
inquietando me com sua essência
me tornando cada vez mais dona de ti
te escolhi pra mim, sem promessas
sem projetos, sem destino
te escolhi dentro de mim
e te fiz meu colibri

Cecilia sfalsin


Novo texto aqui (Não basta gostar) espero que gostem



Leia também

Fiz me intensa ao nascer do sol, dei te todos os meus deleites, alinhei teus sentidos aos meus, afinei meus desejos aos seus, acendi meus an...

34 comentários:

  1. Que lindo Cecília!
    Delícia de poema, adoramos...beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EI Tereza,

      Fico feliz que tenham gostado,

      Beijos querida..

      Excluir
  2. Que beleza! As escolhas obedecem o coração.Quando o amor bate, a alma voa e o coração se entrega.
    Amei!
    Você é pura sensibilidade.
    Bjs no coração Eloah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eloah,

      Suas palavras acrescentaram pérolas ao meu....

      Beijos minha amiga e obrigada pelo carinho

      Excluir
  3. Olá, Cecília!
    Pessoa de sorte o Colibri.
    Bjs!
    Rike.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sortudo sim Rike e lindo também

      RSRS...

      Beijos

      Excluir
  4. Cecilia
    lindo poema, uma tarde bela, bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lúcia querida,

      Obrigada pela presença e carinho

      Beijos

      Excluir
  5. Nossa!!! Que lindo!!! Não há o que comentar. Beijos e parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Maria,

      Fico muito feliz que tenha gostado...

      Beijossss e obrigada

      Excluir
  6. Muito bom se permitir ao amor.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Cadinho,

      Quando nos permitimos é porque passamos a nos amar de maneira tal a nos doar pra quem amamos..

      Beijos e seja bem vindo ao meu blog

      Excluir
  7. Noooooossa Cecília, estava inspirada , heinnnnn.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inspiradíssima Paty, rsrsrs

      Beijos querida e obrigada pela presença

      Excluir
  8. Hoa Cecilia, que belleza de letras. Un placer leerte. Cuidate mucho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hola Sandra,

      Me sinto honrada em recebê la por aqui, e mui feliz que tenha gostado das minhas letras, és muito bem vinda...

      Beijos e obrigada

      Excluir
  9. Como a leoa se diverte com sua presa...minha leoa!
    Quando não estou convosco princesinha:sinto-me como o pequeno mico,que balança de galho em galho sempre a vossa espreita,o desalento do entardecer na ânsia da aurora,o dilúculo,a matinada...sofrendo milésimos á milésimos destes instantes de ausência mas que são de eternas dores de uma doce saudade ,sobrevivendo do mel da rica fonte, vossos lábios,enviados no bico do colibri no nascer da bela alvorada!
    Bjocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. És o meu amado que em todas horas me inquieta, fazendo me sentir cada vez mais próxima de ti , alimentando te a cada amanhecer, aquecendo te a cada pôr dos sol, e lhe dando a certeza que te amo por toda vida....

      Beijos

      Excluir
  10. Olá minha querida amiga Cecilia, boa noite!!!
    Adorei minha amiga, ficou lindíssimo e encantador, a cada dia você se supera e nos proporciona belos e encantadores momentos poéticos... é o amor descrevendo o seu encanto em palavras, parabéns!!!
    Tenha uma linda noite e um maravilhoso e abençoado novo dia!!!
    Abraços com carinho e muita paz!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edu meu querido amigo,

      E a cada suas palavras de incentivo, carinho e dedicação me inspiram...

      Obrigada mesmo pelo carinho de sempre e pela amizade que pra mim é muito preciosa

      Excluir
  11. Ola Cecilia

    Lindo poema! Adoro colibris.

    Boa quinta feira!
    beijos
    joana mendes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha linda JÔ,

      Obrigada pelo carinho, eu também gosto muito de colibris, me inspiram...

      Beijos

      Excluir
  12. Cecília

    Não é a primeira vez que você me deixa sem palavras para expressar o quanto gostei, muito !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Antônio,

      Sinto me lisonjeada....

      Obrigada...

      Abraços e tenha um belo dia

      Excluir
  13. Ah, quando o coração fala... tudo o resto perde o brilho!

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Luisa,

      Não temos como contestar..rsrs..

      Beijos

      Excluir
  14. Amiga Cecilia, caliente, heim?! Mas temos que ter este lado muito mais feminino, que é atraente!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Sissym,

      É um lado misterioso da mulher que se revela ao por do sol...rsrs...

      Beijos

      Excluir
  15. São poemas são lindos Cecília! Ainda mais quando ligados à natureza.

    E bem delicados como o Beija flor. Da uma ternura na gente!

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Valéria ,

      Bom dia,

      E muito obrigada pelo carinho, fico honrada com sua presença e muito feliz por ter gostado

      Beijos

      Excluir
  16. São poemas são lindos Cecília! Ainda mais quando ligados à natureza.

    E bem delicados como o Beija flor. Da uma ternura na gente!

    Abs!

    ResponderExcluir
  17. Oi Cecília,

    e nesse encontro do colibri com a flor toda doçura e a beleza do amor ganham forma, a mais bela forma que a sua sensibilidade cria e encanta-nos.

    Beijos Ciça!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindas e exuberantes palavras Van,

      Um bela definição deste encontro que eterniza o amor...

      Beijosssss minha amiga e obrigada

      Excluir
  18. ai meu colibri...onde andarásss....

    ResponderExcluir

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....