/
12 Comentários
Acordo pela manhã e procuro o que me detém,
tento entender o que oculta minha voz,
o que faz meus olhos brilharem,
o que me limita viver a intensidade
que há em querer te em mim,
De repente sinto o soprar do vento,
em um leve suspiro pelo meu pescoço,
sensação que me envolve ao bater
de um coração descompassado, trêmulo,
me seduzindo, me entregando,
me despertando, 
um reencontro de mim em você

Cecilia sfalsin



Leia também

Acordo pela manhã e procuro o que me detém, tento entender o que oculta minha voz, o que faz meus olhos brilharem, o que me limita viver a i...

12 comentários:

  1. Essa é Cecília. Como sempre, escrevendo muito bem!
    Bjs

    http://mae-solo.blogspot.com/#

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Nivea,

      Grata amiga, pelas doces palavras....

      Beijos

      Excluir
  2. Amiga Cecília, passei aqui para ler seus poemas apaixonados.
    Um abração. Tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua presença sempre me é edificante meu amigo,

      Abraços e obrigada

      Excluir
  3. Ah! cecilia assim não vale, me deixou com saudade de um cafuné.
    -Me rendo e TE VENERO pl post que lindo.
    ABRAÇO QUERIDA E... ótimo fnl d semana Amiga.
    Alice g d maia . sua sempre Amiga fiél!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alice,

      Como sempre me trazendo pérolas em palavras...

      Obrigada..Beijos

      Excluir
  4. oi realmente é um encontro maravilhoso.tenha uma boa tarde

    ResponderExcluir
  5. Belíssimo!Adoro ler sobre o amor e conseguir imaginar,é ótimo!
    Abraço Cecília e uma semana de muito amor pra vc,=)

    ResponderExcluir

A fase mais gostosa de quem escreve é quando conhece a opinião de quem lê....Obrigada por suas palavras e sejas sempre bem vindo(a)....